Home  Quem Somos  Cadastre-se  Anuncie no Rural News  Fale Conosco 
Busca
 

 

 
Enquete
Qual a sua área de atuação profissional?
Agricultura
Pecuária
Agricultura e Pecuária
Outra área dentro do setor rural
Fora do setor agropecuário

 

 Indique este site

Biotecnologia, bioindústria e a emergência da bioeconomia

autor: Redação RuralNews
data: 29/03/2016

O sofisticado embasamento técnico e a  natureza genérica da biotecnologia moderna estão possibilitando o desenvolvimento de imensa gama de produtos e processos, criando uma nova indústria e influenciando os rumos da economia mundial. As indústrias alimentar, farmacêutica, química, da saúde, da energia e da informação estão se agregando de forma nunca antes imaginada. As fronteiras entre negócios tradicionalmente distintos já estão se integrando e esta grande convergência está gerando o que promete ser a maior indústria do planeta - a Bioindústria.

 

Produção de energia renovável, de matérias primas e moléculas bioativas para os mais variados ramos industriais prometem ampliar o leque de utilidades de sistemas biológicos, criando oportunidades para que a agricultura ocupe cada vez mais espaço dentre as indústrias mais sofisticadas do mundo. A biotecnologia, conforme suas primeiras conquistas estão indicando, pode estabelecer uma base científica e tecnológica radicalmente nova, capaz de revolucionar o tratamento de muitos dos desafios impostos ao agronegócio, permitindo o rápido e preciso desenvolvimento de plantas, animais e microorganismos melhorados com grande diversidade de atributos, além de processos industriais mais eficientes e ambientalmente corretos.

 

O Brasil tem uma oportunidade ímpar de participar de maneira significante da nascente Bioeconomia. A natureza diferenciada dessa vertente tecnológica, que se sustenta em processos amplamente disseminados na natureza, e bastante genéricos do ponto de vista de aplicação, abre a possibilidade para um modelo de mercado de tecnologias mais inclusivo e diversificado em lugar do mercado de inovação até então conhecido, onde tecnologia é concentrada em pequeno número de países, com domínio de limitado número de processos e produtos. A evolução e transformações no vasto campo científico e de aplicações da moderna biotecnologia se processam em velocidade vertiginosa, e não há tempo a perder.

 

Uma parcela importante dos recursos de interesse da Bioeconomia é encontrada nos países do cinturão tropical, que são economicamente deficientes, mas bastante ricos em biodiversidade, matéria prima essencial para o futuro de diversos mercados estratégicos. Assim, estes recursos tendem a despertar cada vez maior interesse para o comércio e a economia internacional. Através da nova Bioeconomia poderão surgir possibilidades reais para a utilização sustentável da biodiversidade, muito embora a distribuição dos ganhos gerados tenham que ser definidos a partir de complexos arranjos institucionais. Por exemplo, as práticas aplicadas em bioprospecção podem determinar se os benefícios de produtos biotecnológicos serão compartilhados razoavelmente entre os diferentes atores. O contexto socio-econômico em que a biotecnologia é desenvolvida e aplicada inclui o mercado e a competição, as instituições de pesquisa públicas e privadas e os direitos de propriedade intelectual. Este contexto determinará também que aplicações e, consequentemente, que efeitos a nova Bioeconomia provocará na conservação e na utilização da biodiversidade no país.

 

Assim, é crítico que o país desenvolva com rapidez um esforço prospectivo amplo e bem articulado, de forma a indicar as oportunidades para o Brasil no âmbito da Bioeconomia e as futuras áreas onde se deve adquirir ou reforçar capacidades. Tal esforço deveria ser centrado na avaliação do desempenho presente e futuro da Bioeconomia, objetivando:

 

a) a identificação de eventos relevantes e principais fatores críticos de desempenho atual e passado do sistema de inovação de base biológica no país;

 

b) a determinação de oportunidades e ameaças futuras à inserção estratégica do Brasil na Bioeconomia;

 

c) a obtenção de informação para orientar o posicionamento estratégico das organizações brasileiras, tanto no segmento de inovações de base biológica quanto nas estratégias de ocupação de espaços de mercado no futuro.

 

A evolução e transformações no vasto campo da Biologia Moderna se processam em grande velocidade. O impacto do homem nos sistemas biológicos, em diversos níveis (microscópico a global) aumenta na medida em que o nosso conhecimento acerca dos sistemas vivos evolui. Estas duas tendências - aumento do conhecimento e capacidade técnica e aumento da escala do impacto humano - ­cria uma série de intersecções e incertezas, oportunidades e riscos relacionados a sistemas biológicos. Este esforço prospectivo deverá também examinar as complexas intersecções de forças aqui envolvidas - biológicas, econômicas, políticas e culturais - para buscar compreender e antever cenários plausíveis para o desenvolvimento da Bioindústria e da Bioeconomia no Brasil.

 

Contribuições da Embrapa - A Embrapa tem contribuído de forma decisiva para o desenvolvimento da biotecnologia no país, provendo suporte ao planejamento estratégico, avaliação de riscos, desenvolvimento de produtos e processos inovadores. Os avanços da empresa e seus parceiros no desenvolvimento de plantas transgênicas (soja, feijão, mamão, batata, algodão, etc), clones bovinos, informações genômicas (café, banana, eucalipto, bovinos, etc), além de iniciativas pioneiras em análise de biossegurança, indicam que a Embrapa saber lidar com o tempo de rápida transformação e avanço do conhecimento, produzindo inovações em idéias, processos, produtos e serviços. Como organização que tem estado atenta ao que acontece no mundo, estabelecendo estratégias de avaliação das mudanças nas relações internacionais, no desenvolvimento científico e na dinâmica do mercado de tecnologias, a Embrapa está pronta a contribuir para que o Brasil tenha um ambiente institucional favorável ao desenvolvimento de uma Bioindústria que permita ao país competir, com sucesso, por um mercado global que promete grandes mudanças.

« voltar

Indique a Matéria
Seu Nome:
Seu Email:
Nome do Amigo:
Email do Amigo:
Comentários:

 

 

Publicidade
Info Rural News
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial por qualquer meio ou processo, sem autorização expressa do Ruralnews.
Copyright 2005. © RuralNews - Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Pontaweb