Home  Quem Somos  Cadastre-se  Anuncie no Rural News  Fale Conosco 
Busca
 

 

 
Enquete
Qual a sua área de atuação profissional?
Agricultura
Pecuária
Agricultura e Pecuária
Outra área dentro do setor rural
Fora do setor agropecuário

 

 Indique este site

Cavalos - Cuidados e Manejo

autor: Redação RuralNews
data: 24/10/2017

Instalações

As instalações para os cavalos podem ser as mais simples e rústicas. Basta uma cobertura de telhas ou de qualquer outro material, com um cocho para os concentrados e capins picados e, em certos casos, a manjedoura para os capins inteiros e um bebedouro. Essa cocheira poderá ser aberta ou fechada com réguas de madeira ou mesmo com paredes de alvenaria ou cimento, tendo uma porteira para a passagem dos animais e poderá ser dividida em baias, uma para cada animal.

Os cavalos devem dispor de pastagens, recebendo no cocho, somente os alimentos concentrados ou, então, apenas piquetes para se exercitarem, recebendo as forrageiras no cocho ou nas manjedouras. Existem cocheiras e baias de construção mais cara e sofisticada, utilizadas para animais de maior valor.

É aconselhável manter os cavalos na cocheira, durante a noite, com uma luz acesa para afugentar os morcegos hematófagos ("vampiros") que, além de "chuparem" o seu sangue, todos os dias, ainda podem transmitir-lhes a raiva. O uso de telas de malhas finas, quando possível, também pode proteger os cavalos do ataque desses animais.

Alimentação

Podemos "encher a barriga" dos cavalos, no cocho, cortando os "capins" e lhes fornecendo picados ou inteiros na manjedoura, porque dessa maneira eles ocuparão menor área do terreno. Quando não dispusermos de capim suficiente, basta que façamos uma capineira e teremos garantida a alimentação dos animais durante todo o ano, mesmo na seca, quando fizermos irrigação. Entre as forrageiras para cavalos, temos: gordura, jaraguá, colonião, pangola, soja forrageira, alfafa, confrei, rami, etc.

Em alguns casos, principalmente no caso de animais de maior valor como cavalos de utilizados em provas esportivas, grandes reprodutores ou animais negociados no milionário mundo dos leilões, os cuidados com a alimentação costuma ser bem diferenciado. Existe um acompanhamento nutricional intenso. O veterinário responsável prescreve uma alimentação bem balanceada, onde o cavalo ingere os melhores nutrientes, nas quantidades e proporções indicadas para que o animal desempenhe melhor sua atividade.

Manejo

Para que um cavalo se mantenha sempre manso, é necessário que receba algum trato e que seja "trabalhado" com freqüência. Não devemos deixar os animais largados no pasto, por longos períodos, pois eles podem, depois, estranhar os arreios e se tornarem bravos, chegando a saltar quando novamente montados. Quanto maior for a freqüência com que é montado, mais manso se torna o cavalo.

« voltar

Indique a Matéria
Seu Nome:
Seu Email:
Nome do Amigo:
Email do Amigo:
Comentários:

 

 

Publicidade
Info Rural News
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial por qualquer meio ou processo, sem autorização expressa do Ruralnews.
Copyright 2005. © RuralNews - Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Pontaweb