Home  Quem Somos  Cadastre-se  Anuncie no Rural News  Fale Conosco 
Busca
 

 

 
Enquete
Qual a sua área de atuação profissional?
Agricultura
Pecuária
Agricultura e Pecuária
Outra área dentro do setor rural
Fora do setor agropecuário

 

 Indique este site

Algumas plantas medicinais

autor: Redação RuralNews
data: 10/11/2017

 
Muitas plantas, não importando origem, se são frutíferas ou não, apresentam características que as qualifica como medicinais, desde que, à partir delas, possam ser produzidos remédios ou substâncias que apresentem alguma propriedade curativa ou, em alguns casos, cosmética. Apesar de estas plantas serem muito utilizadas com estas finalidades específicas, muitas das suas aplicações "medicinais" não são totalmente comprovadas cientificamente.

Apresentamos, nesta matéria, uma relação de algumas plantas medicinais e suas utilidades mais conhecidas:

- Abacate (Persea americana): Folhas usadas como chá diurético e contra cálculo renal. Tanto a polpa dos frutos quanto o macerado da semente, com vinho branco e os botões florais são considerados estimulantes sexuais.

- Abóbora-menina: Sementes usadas contra parasitas intestinais.

- Acácia: A goma arábica extraída por incisão, em seu tronco, é usada contra queimaduras, febres, diarréias, dores nas vísceras e as folhas e sementes em inflamações na boca e garganta.

- Açoita-cavalo, mutamba preta, papeá-guaçu: Para reumatismos, diarréia, hemorragias, tumores, etc.

- Aipo ou salsão: Usado desde épocas antigas como afrodisíaco e como anticoncepcional (na Índia).

- Alecrim: É tônico, estimulante, excitante, cologogo (estimula o fígado), narcótico e anti-espasmódico e desinfetante; contra reumatismos (banhos); bom para o estômago; bom para estimular a menstruação, para bronquites e asmas; anticoncepcional.

- Alface: Na época da floração, produz um "leite" (látex), considerado de efeitos calmantes, soporíferos e anafrodisíacos.

- Alfavaca, mangericão-de-molho, etc: Bom para cólicas renais, reumatismo e para tosse.

- Alfazema: Calmante, tônica, anti-espasmódica, digestiva, boa para tosses e bronquites.

- Alho: Para doenças do aparelho respiratório. É a base de muitos "remédios" contra resfriados, catarros, tosses, vermes, febres e anti-inflamatórios.

- Ameixa preta: Laxativa e desintoxicante.
- Amendoim: Tônico e erógeno. É considerado como afrodisíaco sendo, talvez o mais "falado" como tal.

- Arnica: Contra dores generalizadas ou não, sendo famoso o chá de arnica, depois de contusões; boa para traumatismos, ferimentos e febres, sendo indicada como diurético e estimulante.

- Aroeira, aroeira do sertão (Astronium urundeuva): Cicatrizante e anti-séptico local.

- Arruda: Facilita a menstruação. É anti-espasmódica, anti-helmintica (vermífugo), sudorífera, anti-reumática, anti-nevrálgica. Perigosa para gestantes.

- Aruca: Boa contra cólicas, desinteria amebiana e contra problemas estomacais (infusão), contra helmintos e oxiuros (vermes) e contra a malária.

- Aspargos: Seus grãos são tidos como afrodisíacos.

- Aveloz; planta do nordeste; árvore de coral; cega-olho; coral verde; dente-de-cão: Produz uma goma com ação rubefaciente, purgativa, antisifilítica, anti-reumática, contra o câncer benigno da pele, verrugas, etc.

- Barba-de-bode: É um capim considerado "praga" nas pastagens, mas seu chá é um dos mais conhecidos como de grande efeito afrodisíaco.

- Babosa, caraguatá, alóes: Contra a prisão-de-ventre, inflamações, icterícia, fraquezas e estimulante da menstruação.

- Barbatimão: Alto teor de tanino. Boa contra diarréias, hemorragias, etc.

- Baunilha: Considerada como estimulante e afrodisíaca, embora muito usada como especiaria.

« voltar

Indique a Matéria
Seu Nome:
Seu Email:
Nome do Amigo:
Email do Amigo:
Comentários:

 

 

Publicidade
Info Rural News
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial por qualquer meio ou processo, sem autorização expressa do Ruralnews.
Copyright 2005. © RuralNews - Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Pontaweb