Home  Quem Somos  Cadastre-se  Anuncie no Rural News  Fale Conosco 
Busca
 

 

 
Enquete
Qual a sua área de atuação profissional?
Agricultura
Pecuária
Agricultura e Pecuária
Outra área dentro do setor rural
Fora do setor agropecuário

 

 Indique este site

Controle da temperatura e ventilação nas criação de escargots

autor: Redação RuralNews
data: 06/01/2016

Para evitar os efeitos, às vezes desastrosos, das altas temperaturas sobre os escargots e para diminuir a ação dos raios solares sobre os galpões, elevando sua temperatura interna, podemos lançar mão de alguns recursos simples e baratos para evitar ou diminuir as conseqüências desses problemas. Entre elas, podemos citar: 
- construir galpões abertos e bem arejados, mas protegidos dos ventos, do sol, das chuvas e do frio e que possam ser fechados por cortinas, quando isso for necessário; - caiar o telhado do galpão, de branco, pelo seu lado de fora pois, assim, os raios solares que sobre ele incidam são parcialmente refletidos, diminuindo bastante a sua absorção, o que significa uma diminuição do calor interno do galpão, em até 5 ºC.

Resumidamente, o objetivo do controle da temperatura é fazê-la baixar no verão e evitar a perda de calor no inverno. Nos climas em que as diferenças de temperatura no verão e no inverno são muito acentuadas, o criador pode pensar em usar na construção do galpão, um isolamento térmico do teto e paredes, empregando para isso, fibra de vidro, cortiça, asbestos, placas de isopor, madeira, etc.

 
Ventilação e aeração
 
A ventilação não é importante apenas porque ajuda no controle da temperatura. Ela o é, também, porque significa maior oxigenação do ambiente, sendo que os escargots necessitam de bastante oxigênio para viver. Uma ventilação bem controlada pode fornecer um ar sempre puro aos escargots e está intimamente ligada à umidade, um dos fatores mais importantes na criação desses animais.

Um excesso de ventilação faz baixar a umidade dentro do galpão, o que é grandemente prejudicial, pois os escargots necessitam de mais de 80% de umidade relativa do ar, sendo 86% o ideal.

Mais perigoso ainda, do que um excesso de ventilação, temos as correntes de ar ou ventos que possam penetrar no galpão porque, além de fazerem diminuir a umidade do ar, ainda provocam um ressecamento no tegumento (pele) dos escargots. O controle da ventilação pode ser feito de maneira natural, com o uso de janelas, respiradouros, lanternins, etc.

Podemos usar, também, com o mesmo objetivo, meios artificiais como exaustores, por exemplo.

« voltar

Indique a Matéria
Seu Nome:
Seu Email:
Nome do Amigo:
Email do Amigo:
Comentários:

 

 

Publicidade
Info Rural News
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial por qualquer meio ou processo, sem autorização expressa do Ruralnews.
Copyright 2005. © RuralNews - Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Pontaweb