Home  Quem Somos  Cadastre-se  Anuncie no Rural News  Fale Conosco 
Busca
 

 

 
Enquete
Qual a sua área de atuação profissional?
Agricultura
Pecuária
Agricultura e Pecuária
Outra área dentro do setor rural
Fora do setor agropecuário

 

 Indique este site

Cobras

autor: Redação RuralNews
data: 10/11/2017

Animais de corpo alongado, coberto de escamas, as cobras, mesmo não tendo pernas, se locomovem com grande facilidade. Deslizam rapidamente pelo chão, saltam de grandes alturas, sobem em árvores e nadam.

Não possuem pálpebras mas, para proteger os olhos, tem a "luneta", que é como um vidro de relógio. Enxergam melhor à noite, mesmo as que apresentam hábitos diurnos. Quanto ao olfato, serve para que os casais se encontrem, pelo cheiro, na época dos acasalamentos e também para que achem as suas vítimas.

Para "sentirem" as coisas, usam a língua que é comprida e tem a ponta dividida em duas partes. Não precisam abrir a boca para lançar a língua, pois possuem um orifício especial no lábio. Ouvem muito pouco porque não apresentam um ouvido desenvolvido.

Podem ser de cor uniforme (verde, parda, cinza ou preta) ou com manchas vermelhas, amarelas ou escuras, sobre um fundo claro. As cobras tem o corpo coberto de escamas, mas a cabeça pode ser revestida de escamas, de placas ou de ambas ao mesmo tempo. Placas e escamas são "engrossamentos" da pele e variam de acordo com a espécie, em forma e tamanho.

A cauda apresenta algumas características que bastam para identificar uma cobra. Como exemplo, temos o chocalho da cascavel e o "esporão" da surucucu. A temperatura da cobra é sempre inferior à do ambiente e por isso ela é considerada "fria".

Onde vivem

De acordo com os locais ou regiões em que habitam, elas podem ser:

1- terrestres, as que vivem sobre a terra, como a cascavel e a jararaca;

2- terrícolas ou subterrâneas, as que moram em baixo da terra e, em geral, são cegas ou quase cegas;

3- arborícolas, as que vagam pelas árvores. São mais longas e finas. No Brasil só há duas: a jararaca ilhôa e a surucucu de patioba;

4- aquáticas, as que vivem na água, inclusive do mar. São, no Brasil, as corais d"água;

5- semi-aquáticas, as que permanecem mais na água do que em terra. Como exemplo, temos a sucuri.

Essa classificação não é rigorosa porque há cobras que, pelos seus hábitos, poderiam estar situadas em mais de uma das categorias mencionadas. A sucuri, por esse motivo, poderia ser considerada semi-aquática, terrestre ou arborícola.

« voltar

Indique a Matéria
Seu Nome:
Seu Email:
Nome do Amigo:
Email do Amigo:
Comentários:

 

 

Publicidade
Info Rural News
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial por qualquer meio ou processo, sem autorização expressa do Ruralnews.
Copyright 2005. © RuralNews - Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Pontaweb