Home  Quem Somos  Cadastre-se  Anuncie no Rural News  Fale Conosco 
Busca
 

 

 
Enquete
Qual a sua área de atuação profissional?
Agricultura
Pecuária
Agricultura e Pecuária
Outra área dentro do setor rural
Fora do setor agropecuário

 

 Indique este site

Alimentação dos Escargots

autor: Redação RuralNews
data: 04/08/2017

 
Alimentação é a parte da criação que estuda os alimentos mais convenientes a cada animal ou espécie, não só sob os seus aspectos fisiológicos e zootécnicos, ou seja, sob o ponto de vista da produção, especialização e suas necessidades nutritivas mas também sob o seu aspecto econômico, o que é da maior importância, quando se trata de criações comerciais ou industriais.

Uma alimentação racional é importante e um dos fatores básicos para uma exploração zootécnica e, portanto, para a melhoria dos animais e da sua produção, pois sendo bem orientada, complementa os métodos de seleção levados a cabo em um ambiente adequado à vida do animal que está sendo criado.

A alimentação tem uma dupla missão: manter a vida dos indivíduos e obter os seus produtos, ou seja, produzir e reproduzir. Além disso, a alimentação é um problema de ordem econômica que deve ser resolvido, para que seja obtido o maior rendimento com o menor gasto possível, havendo lucros e eles sejam os maiores possíveis.

Não sendo realizada com um sentido prático e econômico, pode causar prejuízos ao criador, devido ao menor rendimento dos animais ou ao seu mais alto custo de produção, predisposição às doenças e até mesmo ao fracasso da criação. O helicicultor, portanto, deve conhecer o que comem os seus escargots, as quantidades necessárias para satisfazer as suas necessidades e os alimentos ou seus componentes necessários para suprir, não só as suas necessidades mas, também, as suas deficiências orgânicas mantendo, ainda, a níveis satisfatórios, sua resistência às doenças, seus graus de fecundidade, fertilidade, etc.

Os alimentos mais utilizados em criações de escargots são as rações, os concentrados, os "verdes" e os alimentos aromáticos, pois, dependendo do tipo de alimento, o sabor da carne pode ficar alterado, de uma maneira que chegue a melhorar a qualidade da carne.

« voltar

Indique a Matéria
Seu Nome:
Seu Email:
Nome do Amigo:
Email do Amigo:
Comentários:

 

 

Publicidade
Info Rural News
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial por qualquer meio ou processo, sem autorização expressa do Ruralnews.
Copyright 2005. © RuralNews - Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Pontaweb