Home  Quem Somos  Cadastre-se  Anuncie no Rural News  Fale Conosco 
Busca
 

 

 
Enquete
Qual a sua área de atuação profissional?
Agricultura
Pecuária
Agricultura e Pecuária
Outra área dentro do setor rural
Fora do setor agropecuário

 

 Indique este site

Cuidados na escolha e aquisição de um sítio

autor: Redação Ruralnews
data: 04/09/2017

Quem não deseja ou sonha em ter um sítio? Quantos já não vêm, há anos, fazendo planos para adquirir um, mudar para lá, fazer criações e plantar de tudo? O objetivo desta matéria é justamente o de mostrar como adquirir um sítio, levando em consideração os mais importantes aspectos, de forma a transformá-lo em fonte de lazer, alegrias, fartura e também de lucros.

Documentação

Quando pretendemos adquirir um imóvel devemos, primeiramente, verificar se toda a documentação está em ordem. O principal é que as escrituras estejam registradas no cartório de registro de imóveis. Devemos exigir que o vendedor apresente, também, certidões negativas de ônus e alienações e, para maior garantia, uma certidão de filiação vintenária do imóvel.

Devemos verificar, ainda, a situação do vendedor, isto é, se é o legítimo dono do imóvel ou se está legalmente qualificado, por procuração do proprietário ou outro instrumento legal, a efetuar a transação de venda. Devemos exigir, ainda, que o proprietário apresente certidões pessoais de cartórios distribuidores cíveis, certidões negativas de protestos e certidão negativa da Receita Federal. Outro ponto importante é verificarmos se não há nenhuma disputa judicial ou não, sobre o imóvel ou mesmo uma "briga entre vizinhos" pela localização de uma cerca de limite de imóvel, para não "comprarmos uma briga" junto com o sítio.

É importante que na escritura de compra e venda do imóvel fique expresso, claramente, que ele será entregue livre e desembaraçado de quaisquer ônus e totalmente desocupado, sem nenhum morador pois, a falta dessa cláusula ou o seu não cumprimento podem acarretar sérios aborrecimentos e prejuízos ao comprador, por indenizações que mais tarde seja obrigado a pagar a empregados ou moradores que ficarem no imóvel. Todo o cuidado é pouco e o melhor é contratar um advogado para assessorar na documentação.

Localização

O melhor é que fique à margem de boas estradas, com trânsito garantido durante todo o ano, mesmo nas estações chuvosas, pois um acesso rápido aos locais de recursos é importante, não só em casos de emergência, compras, etc. mas também para o transporte mais rápido e econômico da produção, principalmente de produtos perecíveis.

Comunicação (telefonia e internet)

É imprescindível que a localização do sítio permita a utilização de telefones fixos e/ou celulares possibilitando, ainda, o acesso à internet. O aspecto dos meios de comunicação é especialmente importante para sítios produtivos, com produção voltada para o mercado regional, nacional ou mesmo para exportação.

Outros fatores a considerar

Temos, entre eles, os seguintes: salubridade da região que deve ser livre de doenças endêmicas ou de poluições originárias de fábricas, pulverizações, vinhoto, etc.; temperatura / umidade relativa do ar / regime pluviométrico, ou seja, a incidência das chuvas durante o ano, nos diversos períodos; mão-de-obra disponível na região; possibilidades de mercados locais; possibilidades de atingir maiores mercados, etc.

Preço de custo

Quanto menor o preço de compra, melhor. Barato, no entanto, não é só o que custa menos, mas sim o que preenche as condições desejadas e que fica em condições de aproveitamento com os menores gastos, por facilidades nas construções, plantações, etc., com menores despesas, o que compensa um custo um pouco maior. É aconselhável verificar os preços correntes na região, para não pagarmos mais caro do que vale o imóvel.

Tipos ou composição dos solos

Variam bastante, podendo ser arenosos, calcáreos, silicosos, mais ou menos ácidos; secos úmidos ou charcos (brejos), todos aproveitáveis, de acordo com os fins a que se destinam. Também o perfil do terreno é importante, podendo ser plano, ondulado, com um ligeiro declive (talvez os melhores) ou mais ou menos acidentados, com morros ou elevações às vezes íngremes, dificultando os serviços ou as construções e que podem, ainda, provocar enxurradas e desabamentos.

Água

É o elemento mais importante em um sítio: sem água não há vida. Deve ser limpa, de preferência potável e em quantidade suficiente, inclusive para possíveis aumentos das atividades no imóvel. Um sítio sem água, não serve!

Benfeitorias

Quando em bom estado e adequadas, representam uma boa economia de dinheiro e de tempo para a exploração do imóvel. Caso contrário, só atrapalham, pois precisam ser consertadas ou adaptadas, o que pode não compensar pelos seus custos ou por sua funcionalidade. Quando não houver instalações adequadas, o melhor é que nem existam, pois mais fácil se torna um planejamento global para o aproveitamento do sítio, com a localização das instalações e plantações nos locais mais indicados.

Vizinhança

É outro fator que deve pesar muito na escolha de um sítio, porque muitos são os problemas que podem ocorrer com vizinhos inconvenientes. Entre esses, podemos citar, como exemplo, as pedreiras que, além do barulho das explosões, ainda podem atirar pedras, às vezes de grande tamanho, causando prejuízos. Além das pedreiras, podemos citar, como "maus vizinhos", fábricas que lancem fumaças tóxicas ou poluam as águas, e aglomerados humanos que sejam foco de marginalidade, tornando a localização do sítio perigosa.

« voltar

Indique a Matéria
Seu Nome:
Seu Email:
Nome do Amigo:
Email do Amigo:
Comentários:

 

 

Publicidade
Info Rural News
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial por qualquer meio ou processo, sem autorização expressa do Ruralnews.
Copyright 2005. © RuralNews - Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Pontaweb