Home  Quem Somos  Cadastre-se  Anuncie no Rural News  Fale Conosco 
Busca
 

 

 
Enquete
Qual a sua área de atuação profissional?
Agricultura
Pecuária
Agricultura e Pecuária
Outra área dentro do setor rural
Fora do setor agropecuário

 

 Indique este site

Inimigos das abelhas

autor: Redação RuralNews
data: 26/02/2014

 
Depois do homem, na realidade o maior inimigo das abelhas, temos os que se seguem:

Formigas

Atacam as colméias para roubar mel ou devorar as larvas e abelhas. Entre elas temos a correição, avermelhada, com 1cm de comprimento, a bandeirante e a formiga exército ou correição vermelha de cabeça preta. A correição é carnívora, devorando larvas e abelhas; sarará ou açucareira amarela, que tem a cabeça vermelha, 1cm ou mais de comprimento, ataca à noite comendo mel e larvas; doceira, que é toda preta com perna vermelha, 2cm de comprimento, ataca de dia e come mel e abelhas; mata-cobra ou sara-sará, que é preta com pernas vermelhas, ataca de dia, em geral ao anoitecer, cortando as pernas e as asas das abelhas, deixando-as indefesas; quem-quem, vermelha, 5mm e ataca para roubar mel.

O combate aos formigueiros é o mais indicado para evitar as formigas. Para proteger as colméias diretamente, devemos: manter o terreno em volta do apiário sempre limpo e, de preferência, gramado; colocar os pés das colméias dentro de recipientes com óleo, para as formigas não subirem por eles, mas protegendo a parte de cima, para que as abelhas não caiam no óleo; amarrar estopas impregnadas de óleo, em cada pé e a 20cm do solo mas com uma proteção em cima, como isoladores tipo funil, em cada pé da colméia.

Aranhas

Pegam as abelhas em suas teias e sugam até ficarem secas. As teias e as aranhas devem ser eliminadas. Quando entram na colméia, elas destroem todas as traças;

Pássaros

Todos podem ser considerados inimigos das abelhas porque as caçam, principalmente quando estão com filhotes, mesmo não sendo insetívoros. Os mais perigosos são curruiras, bem-te-vis, andorinhas, pica-paus, etc.

Piolho das abelhas (Braula coeca)

Fica sempre no dorso das abelhas e retira, da sua "boca", o néctar e a papa alimentar para as larvas, prejudicando o serviço das operárias. Pode ser retirado com uma pinça ou, quando em grande número, basta darmos umas borrifadas com fumaça de tabaco para que eles caiam, todos, sobre uma folha de papel que devemos colocar, antes, no fundo da colméia. A folha deve ser queimada, depois, junto com os piolhos.

Ratos

Chegam a construir ninhos dentro das colméias e passam a se alimentar de mel e de abelhas, das quais comem apenas e cabeça e o tórax. Devido ao mal cheiro que causam, as abelhas acabam abandonando a colméia. Diminuir o alvado ou colocar tela de arame de 0,5 x 0,5cm para que eles não entrem ou, então, combatê-los com iscas envenenadas, armadilhas, etc.

Sapos e rãs

Ficam juntos ao alvado e vão pegando, uma por uma, as abelhas que deles se aproximam. Colocar as colméias sobre suportes evita esse problema.

Percevejos

É um inseto grande que fica parado em frente ao alvado e que, quando uma abelha o ataca, ele a segura com as patas da frente e nela introduz sua "tromba", sugando seu corpo e sobrando somente a sua casca. Um só percevejo pode matar dezenas de abelhas em poucas horas.

Traças da cera

São as piores pragas da colméia, porque as abelhas não as podem combater ou delas se livrarem. Existem a traça grande e a traça pequena, que atacam os favos e suas larvas penetram na cera e uma terceira traça, que fica no fundo da colméia, no meio dos detritos de cera, própole, etc. Quando a infestação é muito grande, as abelhas chegam a abandonar a colméia. Devemos fazer inspeções regulares para que possamos destruir logo, as primeiras traças que aparecerem. Derreter os favos velhos ou usados e depois proteger em pacotes a cera para ser guardada, são as providências indicadas para evitar esses insetos.

Outras abelhas

Como as Trigonas e outras, a abelha-cachorro, irapuá, limão, etc., que atacam a colméia para a pilhagem. Perdem a batalha porque não possuem ferrão, mas causam grandes estragos roubando o mel e matando abelhas ou morrendo presas às suas pernas ou asas, para o resto da vida. As abelhas do gênero Apis, também podem saquear as outras colméias.

Patos e angolinhas

São, das aves domésticas, as que mais nos devem preocupar porque, a princípio, comem somente zangões mas passam, depois, a devorar qualquer abelha.
 
 
 

« voltar

Indique a Matéria
Seu Nome:
Seu Email:
Nome do Amigo:
Email do Amigo:
Comentários:

 

 

Publicidade
Info Rural News
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial por qualquer meio ou processo, sem autorização expressa do Ruralnews.
Copyright 2005. © RuralNews - Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Pontaweb